Notcias
» SECRETARIA MUNICIPAL DA SADE IMPLEMENTA AES DE COMBATE A DENGUE
23/08/2018

A Secretaria Municipal de Saúde, através dos agentes comunitários de saúde está realizando o 1º Levantamento de Índice Amostral da Dengue (LIA). Esse levantamento acontece 04 vezes ao ano para registrar a situação de infestação causada pelo mosquito Aedes Aegypti no município, identificando os criadouros predominantes e permitindo o direcionamento das ações do controle para as áreas mais criticas.


Após a realização do levantamento será divulgado os resultados à população, a fim de conscientizar sobre a importância das ações contra o mosquito. Em Barão, serão inspecionados 472 imóveis. As amostras com larvas coletadas pelos agentes serão encaminhadas ao Laboratório Lacen para análise.


Vale ressaltar que Barão está incluída nos municípios de baixo risco pois não houve registro de casos da doença em 2017 e até o presente momento nenhum caso em 2018. E para manter esse balanço positivo é de suma importância a participação da população na prevenção e combate do mosquito da dengue.


Para os cidadãos Baronenses ficarem longe do Aedes aegypti, mosquito que transmite a dengue, febre amarela, chikungunya e o zika vírus, é importante que todos faça a sua parte:


- Deixe sempre bem tampados e lave com bucha e sabão as paredes internas de caixas d'água, poços, cacimbas, tambores de água ou tonéis, cisternas, jarras e filtros;


- Não deixe acumular água em pratos de vasos de plantas e xaxins. Coloque areia fina até a borda do pratinho;

- Plantas que possam acumular água devem ser tratadas com água sanitária na proporção de uma colher de sopa para um litro de água, regando no mínimo, duas vezes por semana. Tire sempre a água acumulada nas folhas.


- Entregue pneus velhos ao serviço de limpeza urbana, caso precise mantê-los, guarde em local coberto.

- Lave e troque a água dos bebedouros de aves e animais no mínimo uma vez por semana.

- Limpe frequentemente as calhas e a laje das casas, coloque areia nos cacos de vidro no muro que possam acumular água.


- Mantenha a água da piscina sempre tratada com cloro e limpe-a uma vez por semana. Se não for usá-la, evite cobrir com lonas ou plásticos.


- Mantenha o quintal limpo, recolhendo o lixo e detritos em volta das casas, limpando os latões e mantendo as lixeiras tampadas. Não jogue lixo em terrenos baldios, construções e praças. Chame a limpeza urbana quando necessário.


- Permita sempre o acesso do agente de comunitário de saúde e de endemias em sua residência ou estabelecimento comercial.